DER/SE realiza blitz educativa na Rota do Sertão

postado em: Noticias | 0

Objetivo foi conscientizar condutores e alertá-los sobre a instalação e funcionamento dos radares no trecho da SE-230

Com o intuito de promover a conscientização dos condutores de veículos, no tocante ao respeito às leis de trânsito, bem como na prevenção de acidentes, o Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária de Sergipe (DER/SE) com o apoio do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) realizou durante a manhã e o início da tarde da quinta-feira,30, uma Blitz Educativa na Rodovia SE-230 (Rota do Sertão).

A ação ocorreu no trecho da saída da cidade de Nossa Senhora da Gloria, no bairro Artur Dias, no sentido Monte Alegre de Sergipe, no Território do Alto Sertão Sergipano e teve entre os objetivos, conscientizar os condutores a respeito das normas de segurança no tráfego e com isso prevenir acidentes, bem como orientá-los sobre o futuro funcionamento de radares nas proximidades, uma vez que no trecho em questão ocorre um número considerável de acidentes em razão do excesso de velocidade.

A operação que contou com o apoio de aproximadamente 15 profissionais, consistiu na fiscalização por parte dos policiais que além de utilizarem os radares móveis para a verificação da velocidade, abordavam os veículos nos dois sentidos da via, conferindo as documentações e o uso do cinto de segurança, entre outras regras obrigatórias, bem como os orientando no tocante ao respeito da velocidade em que veículos passavam pela via.

Responsável pelas equipes de auxílio durante a operação, a capitã do BPRv, Márcia Cristina de Oliveira Santos, explicou que além do caráter educativo, a atividade também serviu como alerta aos motoristas. “Ao abordar os condutores de automóveis e motocicletas, verificamos se eles estavam respeitando as leis do Código Brasileiro de Trânsito, e, por meio dos radares móveis averiguamos se respeitavam a velocidade permitida no local, bem como os alertamos sobre os radares que passarão a funcionar na área a partir do próximo dia 10 de julho”, detalhou.

Segurança para todos

Abordado durante a operação, Alan Santos Andrade, aprovou a ação dos órgãos de fiscalização. “Moro em Poço Redondo e costumo passar sempre por aqui. Acho correto esse tipo de atividade, pois, é um meio de conscientizar os motoristas e com isso reduzir o número de acidentes”, ressaltou o comerciante de 25 anos.

Residente em uma rua paralela ao trecho da rodovia, o autônomo, Ericlécio Alves de Sá, 37 anos, acompanhou a operação e disse estar feliz com a futura implantação dos radares. “Os carros que passam por aqui não respeitam o limite de velocidade, e, justamente esse trecho em questão é ponto de parada para os ônibus escolares, e, os motoristas de ônibus são obrigados a fazer o retorno para que os alunos possam entrar, pois, torna-se impossível atravessar a pista. Até mesmo nós que moramos nestas ruas temos dificuldades para sairmos com nossos veículos porque isso aqui parece até pista de corrida. Com o funcionamento dos radares, os acidentes vão diminuir e a segurança será para todos”, enfatizou.

Atuando diretamente na abordagem dos veículos, o Tenente Maurício Madureira destacou que as infrações flagradas durante a operação foram as mais diversas. “A maioria dos condutores excederam na velocidade, constatamos que uma grande parte dos motoristas e passageiros não utilizavam o cinto de segurança, flagramos passageiros do banco da frente com criança de colo, abordamos um condutor de motocicleta que usava o capacete indevidamente, utilizava sandália de dedo, o veículo não possuía retrovisores, e estava sem placa, além do que, mesmo tendo 20 anos ele não possuía habilitação, o que configura em infração gravíssima. Ou seja, se a blitz não fosse educativa, o veículo seria apreendido e ele responderia por todas as infrações cometidas”, frisou.

Para o Gerente de Trânsito do DER/SE, Geraldo Motta, a atividade teve um saldo bastante proveitoso. “Durante o período em que executamos a ação, o maior quantitativo de infrações flagradas foi o excesso de velocidade, o que só confirma os dados que dispomos e que infelizmente contribui para a estatística no número de acidentes registrados. Mesmo os condutores reduzindo a velocidade quando avistavam o aparato da operação, os registros captados pelos radares estavam bem acima do permitido. Com essa operação que serviu de alerta e o funcionamento dos radares no próximo mês, acreditamos que tanto as infrações quanto os acidentes terão uma diminuição significativa”, concluiu.  


Última atualização: 1 de julho de 2022 11:15